Copa Airlines apresenta novas medidas de biossegurança em voos

Copa Airlines apresenta novas medidas de biossegurança em voos

A Copa Airlines apresentou as medidas e protocolos de desinfecção, higiene e biossegurança que serão implementadas em todas as suas operações, para oferecer um ambiente seguro em cada etapa da viagem. As medidas seguem as recomendações das autoridades sanitárias nacionais e de organismos internacionais, e foram testadas nas mais de 130 operações humanitárias realizadas pela Copa nos últimos cinco meses.

“Sabemos que a covid-19 mudou a forma como viajamos e as expectativas dos nossos passageiros. Por isso, hoje mais do que nunca, na Copa Airlines continuamos comprometidos com o seu bem-estar e tomamos todas as medidas necessárias para garantir a você a maior segurança em sua próxima viagem conosco, pois sua segurança é a nossa principal prioridade”, disse a diretora sênior de Experiência do Cliente, Diana Mizrachi.

Para a Copa Airlines, a biossegurança começa em casa. Portanto, recomenda aos seus passageiros que façam web check-in 24 horas antes da viagem pelo aplicativo da Copa ou pelo site, para agilizar o processo de inscrição e limitar o contato entre passageiros e colaboradores, e consultar os requisitos estabelecidos pela companhia aérea e as autoridades de saúde e imigração do Panamá e do país de destino. Além disso, solicita-se chegar ao aeroporto de origem pelo menos três horas antes do voo, devido aos novos controles de segurança.

 

MEDIDAS DE BIOSSEGURANÇA

O processo de desinfecção foi reforçado e implementado antes de cada voo da Copa. Assim, as equipes da companhia aérea se encarregam da higiene e desinfecção minuciosa e constante do interior das aeronaves, principalmente nos pontos de alto contato, utilizando produtos com alto índice de desinfecção recomendados pelas autoridades.

Todas as aeronaves Copa Airlines são equipadas com filtros de alta eficiência, que purificam até 99,97% das partículas de vírus e bactérias, semelhante a uma sala de cirurgia. Além disso, o sistema de recirculação do ar na cabine renova o ar a cada 2 a 3 minutos e seu movimento vertical impede que seja compartilhado com os passageiros nas laterais e na frente.

Para limitar a interação entre tripulantes e passageiros, o serviço de alimentação e bebidas foi ajustado e simplificado em função da duração dos voos. Todos os produtos que entram na aeronave passam por procedimentos de desinfecção em toda a cadeia de abastecimento.

O embarque na aeronave será feito de trás para a frente, e cada passageiro fará seu auto-embarque, colocando seu cartão de embarque no scanner e mostrando sua documentação ao pessoal na porta. Para a segurança dos passageiros e tripulantes, não é possível mudar de lugar uma vez a bordo.

Foram instalados acrílicos de proteção nos balcões dos aeroportos onde a Copa Airlines opera, inclusive no Aeroporto Internacional de Tocumen (Panamá), bem como placas nas filas de espera, para que os passageiros mantenham a distância física estabelecida pelas autoridades sanitárias de cada país. Da mesma forma, os funcionários da companhia aérea estarão protegidos com máscaras.

A companhia também está permitindo que os itinerários sejam modificados sem encargos para as mudanças nos bilhetes adquiridos até 31 de agosto de 2020. O novo itinerário deve começar antes de 31 de dezembro de 2021, e se aplicam apenas a passagens regulares e adquiridas com milhas, emitidas pela Copa Airlines.

 

 

Fonte: Panrotas